Nota de Repúdio

         

A Diretoria da Associação dos Procuradores do Estado da Bahia (APEB) repudia veementemente a manifestação do Ministro da Economia, Paulo Guedes, que em palestra na Escola Brasileira de Economia e Finanças da Fundação Getúlio Vargas (FGV EPGE)  realizada na sexta-feira (07/02) comparou funcionários públicos a “parasitas” ao comentar a reforma administrativa.

A APEB lamenta a agressão verbal do ministro, ressaltando que os servidores públicos estaduais e do Brasil desempenham um trabalho de vital importância para a sociedade e ao funcionamento da Administração Pública.

Os servidores públicos estão presentes na vida da população em áreas vitais como educação, saúde, justiça, segurança e transporte. Caso se utilizasse ou necessitasse destes serviços, o ministro saberia certamente valorizá-los.

Dentre as suas relevantes atuações, os Procuradores do Estado da Bahia recuperam anualmente bilhões de reais na cobrança da dívida ativa; defendem judicial e extrajudicialmente o Estado, gerando vultosas economias ao erário; prestam consultoria e assessoria à Administração, viabilizando projetos e políticas públicas.

Dessa forma, a APEB, não apenas refuta a pecha de “parasitas” atribuída aos servidores públicos, como também convida o ministro a se informar melhor sobre a importância que os servidores públicos têm para o povo que mora no Estado da Bahia e no Brasil.

voltar